terça-feira, julho 19, 2011

Intenção da classe média de comprar imóvel triplica em dois anos

Cerca de 9,9 milhões de famílias brasileiras pretendem comprar um imóvel ou terreno nos próximos 12 meses, dos quais 47% pertencem à classe média, com renda familiar mensal entre três e dez salários mínimos. É o que aponta um estudo do Data Popular apresentado nesta terça-feira no seminário "Tendências do Mercado Imobiliário", realizado pelo Secovi (Sindicato da Habitação) de São Paulo.
A intenção de comprar um imóvel era declarada por 1,5 milhão de famílias da classe média no primeiro trimestre de 2009, número que passou para 4,7 milhões no mesmo período neste ano, triplicando o potencial de consumo nesse nicho.
Essa quantidade já é superior ao total de famílias que mostravam essa intenção no início de 2009 (4,4 milhões), considerando todas as classes sociais.
O levantamento do Data Popular foi feito com cerca de 5.000 entrevistados em 140 municípios no país.
Outra constatação destacada por Renato Meirelles, sócio-diretor do Data Popular é o tamanho do imóvel, mensurado por essa parte da população em quantidade de quartos, não em metros quadrados, atribuindo mais valor para apartamentos com mais dormitórios do que simplesmente maiores.
Famílias que desejam comprar imóvel ou terreno nos próximos 12 meses:
No primeiro trimestre de 2009
Classes AB - 1,6 milhão
Classe C - 1,5 milhão
Classes DE - 1,3 milhão
Total - 4,4 milhões
No primeiro trimestre de 2011
Classes AB - 1,7 milhão
Classe C - 4,7 milhões
Classes DE - 3,5 milhões
Total - 9,9 milhões
Classe AB - renda mensal familiar superior a dez salários mínimos
Classe C - renda entre três e dez salários mínimos
Classes ED - renda até três salários mínimos

São Paulo 06/07/2011 - Folha.com - Primeiro jornal em tempo real em língua portuguesa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário